Fórum de Hortolândia realiza videoconferência internacional A 2ª Vara Judicial de Hortolândia realizou, no dia 29, a primeira videoconferência internacional do fórum. O equipamento foi montado no Salão do Júri para contato com ex-presidentes de uma empresa em processo de falência, que atualmente residem nas cidades de Bogotá e Manizales, na Colômbia, e na Cidade do México. As audiências foram designadas para apuração das causas da falência, além de informações financeiras e contábeis da companhia.

O juiz André Forato Anhê, responsável pelo processo, afirmou que, com ajuda da tecnologia, foi possível finalizar as oitavas envolvendo a diretoria da empresa. “A videoconferência foi bem-sucedida, pois contou com excelente resolução de som e imagem. Tudo foi gravado e contamos com uma tradutora-intérprete aqui no Brasil. Em cada cidade havia um notário público, que certificou a validade do ato e a fidelidade do que se via e ouvia pelo sistema online”, contou o magistrado.

André Forato também destacou a celeridade como um dos benefícios. “A videoconferência evita as cartaz rogatórias, expediente em papel remetido ao estrangeiro para que a testemunha seja localizada, intimada, ouvida, retornando depois ao Brasil para a apreciação do juiz local.”

A iniciativa contou com o apoio da juíza diretora do fórum, Juliana Ibrahim Guirão; da Secretaria de Tecnologia da Informação do TJSP; e da Administração do prédio.

Fonte Comunicação Social TJSP – MF (texto) / RL (foto ilustrativa)
 
Praça Clóvis Bevilaqua, 121 • 4º andar - Cj. 41 • CEP 01018-001 - SP • Tel. (11) 3104-1514